• Aderbal Machado

Sindisol e Sechobar definem termos da convenção coletiva de trabalho e reajuste do piso da categoria

O Sindisol (Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Balneário Camboriú e Região) assinou a Convenção Coletiva de Trabalho com o Sechobar (Sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiro, Bares, Restaurantes e Similares de Balneário Camboriú e Região).

Quatro novas cláusulas foram incluídas na convenção, além de modificações em outras já existentes, e as partes acordaram um reajuste de 3,89% no piso da categoria, válido a partir de 01 de janeiro de 2021.


O índice se refere ao INPC dos últimos 12 meses, considerando a data-base, 20 de outubro de 2020.

Com o reajuste, o piso da categoria passará a ser de R$ 1.475,00 nos primeiros 120 dias de trabalho. Após este período, o piso estabelecido será de R$ 1.666,00. Entre as quatro novas cláusulas incluídas na CCT, destaque para a que estimula a contratação de pessoas sem experiência no mercado de trabalho. Trata-se do 'Primeiro Emprego”, estabelecendo que jovens sem experiência anterior contratados pelo setor podem receber o piso salarial estadual (R$ 1.391,00) durante os primeiros 90 dias. Após este período, passam a receber o piso inicial (R$ 1.475,00) e, passados 120 dias, o piso de R$ 1.666,00.

LogomarcaMin2cm.jpg