• Aderbal Machado

Polícia Militar, vereadores e outras entidades discutem segurança da cidade


Nesta sexta-feira (9), a Polícia Militar realizou reunião com representantes da sociedade civil organizada, CONSEGs e demais entidades da Segurança Pública estadual e municipal, com o objetivo de buscar estratégias para a redução de índices criminais na cidade de Balneário Camboriú.


Foram traçadas metas e firmados compromissos de operações integradas visando o combate mais eficiente aos crimes mais recorrentes, principalmente na região central da cidade.


A reunião foi presidida pelo Comandante do 12º BPM, Ten-Cel Daniel Nunes da Silva. Estiveram presentes os Vereadores Juliana Pavan e Victor Forte; o Comandante da Guarda Municipal Douglas Ferraz; o Diretor de Fiscalização do Município Artur Gayer; o Delegado Regional Giancarlo Rossini; o secretário executivo da CDL Alexandre Steil Abeid e Roberto Pereira da Abordagem Social do Município.


==


Já é lucro admitir preocupação com a segurança da cidade. Que é considerada boa, mas não é, ainda, uma brastemp, tal a incidência de vagabundagem explícita nas ruas, com ênfase para a própria parte principal - a orla atlântica, onde campeiam viciados, traficantes e malandros de todas as espécies. Não raro, foragidos do sistema penitenciário, como em vários vezes se constatou em prisões realizadas, tanto pela Guarda Municipal quanto pela Polícia Militar. Tomara que não fique apenas na discussão e nas intenções. Porque isso já é bem velho. E assusta mais quando se tem um quartel dos bombeiros assaltado.

LogomarcaMin2cm.jpg