• Aderbal Machado

O Beco do Brooklyn: da decadência urbana ao sucesso como ponto de atração turística central


Um administrador precisa se reinventar todos os dias e criar formas de melhorar a vida da cidade e das pessoas. Um dos exemplos permanentes de gestão pública neste sentido é Jaime Lerner. Quando prefeito de Curitiba, criou inovações e projetos fantásticos até hoje tido como exemplos, alguns únicos, de como administrar. Criação dele o primeiro calçadão do Brasil, a Rua 24 Horas, além de outras inovações da capital paranaense por ele implantadas. A mim são impactantes duas delas: a Pedreira Paulo Leminski e a Ópera de Arame. Dois locais inóspitos, passíveis de abandono por inutilidade funcional, acabaram por se transformar em dois palcos esplêndidos de espetáculos internacionais. Bastou um pouco de criatividade e pronto - lá estão até hoje.

A ele se deve também o transporte integrado urbano. Há muito mais, mas deixo para a imaginação e a pesquisa de vocês.

Pois aqui em Balneário Camboriú, na Rua 1200 se criou um espaço de estar e lazer, com condimentos comerciais de valor. Era apenas uma ruazinha de pouca expressão na cidade.



Há outros exemplos, mas o ocorrido com o famoso Beco do Brooklyn, paralelo ao Calçadão da Central, passagem entre o Hotel Miramar e o Edifício Cosmos, é emblemático.

Demorou um bocado para se chegar a um termo. Primeiro foi a disputa judicial pela liberação da passagem, antes usada apenas para acesso às garagens dos condôminos do Cosmos. Até ali, sem nenhum dilema de qualquer ordem social ou humana.

Vencida a ação pela liberação, veio a decadência do beco: virou homízio de drogados, passagem perigosa e infeliz, escura, feiúra ao extremo.

Durante muito tempo se pensou - ou nem tanto - em recuperá-lo de alguma forma mais digna ao uso público.





E então, finalmente, se chegou ao atual estágio: barzinhos, lojinhas da moda jovem, local de muito bom gosto e alegrias. Seguro e bonito.

Que sirva de exemplo para outras iniciativas. Uma ideia simples e funcional. Basta querer.





Para efeito de comparação. Como era:

Matéria da Ric Record da época do anúncio de revitalização do local esclarece melhor os detalhes da obra:

LogomarcaMin2cm.jpg