NEPOTISMO DE ALUGUEL? Existe e vereador quer acabar com ele em Balneário Camboriú


Esta é muito nova na terminologia político-administrativa-eleitoral: nepotismo de aluguel. É quando o gestor privilegia seus parentes ou parentes de políticos amigos seus na locação imobiliária para fins públicos. Em geral com imóveis que nada têm a ver com as verdadeiras necessidades e interesses para a cidade. Só para fazer caixa um mês sim e outro também com dinheiro dos impostos.

Em Balneário Camboriú, o vereador Cristiano Santos (PL), apresentou projeto acabando com a possibilidade dessa prática.

Pelo projeto, nenhum imóvel pertencente a cônjuges, companheiros ou parentes, consanguíneos ou afins, em linha reta ou colateral, até o terceiro grau, de agentes políticos (prefeito, vice-prefeito e vereadores) poderá ser locado pela Prefeitura e Câmara de Vereadores.

Uma malandragem praticada de várias formas e sob várias razões. Menos as razões de interesse popular mais correto.

LogomarcaMin2cm.jpg