• Aderbal Machado

Itajaí, Itapema, Bombinhas e Porto Belo apresentam crescimento significativo na construção civil

Em julho, a variação acumulada do ano no preço do metro quadrado residencial de Itajaí atingiu a marca de 13,44%, colocando a cidade no topo nacional em variação positiva acumulada no período.

Neste ranking, a cidade está mais de dois pontos percentuais à frente do segundo colocado, Itapema, que apresentou percentual acumulado de 11,35%, e mais de três pontos do terceiro colocado, Vitória, com 10,12%. Os dados são do Índice Fipezap, da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), tendo como base os imóveis anunciados no portal ZAP divulgados em julho.


Em relação à valorização nos últimos 12 meses, Itajaí ocupa a segunda posição entre as 50 cidades pesquisadas, atingindo percentual positivo de 16,93%. Além destes destaques, Itajaí também se encontra entre as “top 10” em preço médio de venda por cidade no Brasil. Ocupando a 9ª posição e sendo a quarta cidade catarinense do ranking, em julho o preço médio do metro quadrado residencial ficou em R$ 7.249,00.


A construção civil nas cidades de Itapema, Porto Belo e Bombinhas – base territorial do Sinduscon Costa Esmeralda - registrou aumento de cerca de 170% no saldo de empregos registrado no primeiro semestre deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. De janeiro a junho, as três cidades contrataram, juntas, 4.790 pessoas e demitiram 3.281, gerando um saldo positivo de 1.509 vagas.

No primeiro semestre de 2020, os números apontam para somatória de 2.699 contratações e 2.148 demissões, totalizando saldo de 551 vagas. Os dados são do Observatório da FIESC (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina) e se referem às contratações formais.


A cidade que apresentou melhor desempenho foi Itapema, com total de 3.697 contratações e 2.529 demissões no primeiro semestre deste ano, gerando saldo de 1.168 vagas, contra saldo de 449 vagas registrado no mesmo período do ano passado.


Porto Belo fechou o primeiro semestre deste ano com saldo de 210 vagas, contra saldo de 106 vagas nos primeiros seis meses de 2020.


Bombinhas se destaca por ter passado de um saldo negativo de 4 vagas no primeiro semestre do ano passado, para um saldo positivo de 131 vagas no primeiro semestre deste ano.


Itapema tem sido destaque nacional quando o assunto é variação positiva no valor médio do metro quadrado residencial para venda. Este ano, Itapema é destaque no ranking brasileiro em valorização acumulada considerando os últimos 12 meses, apresentando em maio variação acumulada de 17,97%, seguida por junho com 21,78% e julho com 24,10%. Os dados são do Índice FipeZap, desenvolvido em parceria pela Fipe e o Portal ZAP, considerando o preço médio de apartamentos prontos em 50 cidades brasileiras com base em anúncios da Internet.


JANEIRO A JUNHO 2021


ITAPEMA:

CONTRATAÇÕES: 3.697

DEMISSÕES: 2.529

SALDO: 1.168 VAGAS

PORTO BELO:

CONTRATAÇÕES: 692

DEMISSÕES: 482

SALDO: 210

BOMBINHAS:

CONTRATAÇÕES: 401

DEMISSÕES: 270

SALDO: 131

JANEIRO A JUNHO 2020


ITAPEMA:

CONTRATAÇÕES: 2.105

DEMISSÕES: 1.656

SALDO: 449 VAGAS

PORTO BELO:

CONTRATAÇÕES: 348

DEMISSÕES: 242

SALDO: 106

BOMBINHAS:

CONTRATAÇÕES: 246

DEMISSÕES: 250

SALDO: - 04


(Informação do Sinduscon da Foz do Rio Itajaí)


LogomarcaMin2cm.jpg
3420-05-WEBBANNER-PORTAL-ADERBAL-MACHADO