• Aderbal Machado

Enxurradas alagam cidades e as causas são eternas: chuva demais e desídia pública e privada sobrando


Novas enxurradas alagam ruas principais e secundárias das áreas urbanas de Itajaí, Balneário Camboriú e Camboriú. Tornam-nas intransitáveis e provocam caos na mobilidade. Chuva demais é a explicação de sempre.

Reconheça-se que o meio ambiente foi severamente agredido ao longo do tempo e é causa direta disso. Não há sistema de esgotamento que resolva, mesmo porque, no nosso caso, estamos ao nível do mar e aterramos nossos cursos d'água e lagoas em favor do "desenvolvimento". É o preço.

Vai continuar sendo assim e por isso nos conformemos. É dolorido dizer, sei, mas é somente uma dura verdade.

A isso tudo se soma a indigência preservacionista e protetora da própria população, com as exceções honrosas de sempre, que não se peja de jogar detritos nas ruas, nos rios e no sistema de esgotamento pluvial, impedindo a passagem das águas para o seu destino.

Ainda não vivemos um 2008, mas se não cuidarmos chegaremos lá. (IMAGENS DE "O JANELÃO")


https://www.facebook.com/ojanelao/videos/248356097437797


Para comparar e comprovar. Onde estava o rio Marambaia e a restinga acima, à direita, está a Avenida Brasil e centenas de edifícios.


LogomarcaMin2cm.jpg