• Aderbal Machado

DNIT e PRF negam uso de acostamento em Balneário Camboriú para dar fluxo melhor ao trânsito

Em resposta a ofício do prefeito Fabrício Oliveira, sugerindo a liberação do acostamento para tráfego de veículos durante o período mais agudo da temporada (até 5 de janeiro), visando melhor fluxo de veículos, o DNIT e a PRF negaram.

Segundo o DNIT, as faixas de acostamento são fundamentais para uso em emergências e parada segura de motoristas, além de faixa de circulação de pedestres e ciclistas e, também, por não possuírem sinalização ideal para uso de veículos.

A PRF, iguamente, desautorizou o uso, mas declarou ser favorável ao projeto de se transformar o acostamento em faixa permanente para o fluxo, tal como se fez no trecho da BR-101, em Florianópolis.

A ideia entrou em discussão por DNIT, Arteris e PRF.


LogomarcaMin2cm.jpg