Biblioteca e Arquivo Histórico com riscos de colapso por alagamentos internos


Nota da Administração Municipal sobre o prédio da Biblioteca e Arquivo Histórico, na Quarta Avenida, entre as ruas 2500 e 2550.


"Devido um vazamento na caixa d’água da Biblioteca Municipal de Balneário Camboriú, na madrugada desta quinta-feira (21), o espaço ficará fechado para atendimento ao público a partir de hoje.

A situação voltará ao normal, após os reparos necessários na estrutura. Nenhuma peça do acervo foi danificada ou sofreu avaria, mas parte do forro do prédio terá de ser reparada.

Tão logo haja previsão do tempo necessário para os reparos a reabertura será informada ao público".


As salas alagam com chuvas e, agora, corrigidos os vazamentos no telhado, rompeu a caixa d'água. Uma desgraça atrás da outra. Durante muito tempo as instalações ficaram fechadas para reparos. Nem nos tempos em que a edificação era antiga isto ocorreu. Depois que remodelaram a arquitetura, ficou pior. Não é uma crítica, é uma realidade.

Um pequeno debate o ocorreu no WhatsApp da prefeitura entre jornalistas sobre o assunto e surgem dúvidas sobre a manutenção do ambiente. Medo de colapsar tudo, deteriorar os materiais históricos. Há que se ter mais energia para resolver isso, não basta apenas medidas burocráticas e atitudes frágeis de proteção.

Bom saber também que aquele prédio está subjudice, pois até hoje e desde a desapropriação do terreno, nada foi pago aos proprietários. Há informações de que eles até abrem mão de correções para receber o que têm direito. Falta a prefeitura se manifestar e resolver. A demora é prova de um fracasso na área da cultura. E grave.

LogomarcaMin2cm.jpg