Autor de golpes contra bancos é preso em Porto Belo pelas polícias de SC e de Alagoas


Nesta sexta-feira (23), a Polícia Civil de SC prendeu em Porto Belo um homem suspeito de integrar um grupo criminoso que aplicava golpes contra instituições bancárias. A prisão foi em decorrência de operação deflagrada pela Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC), da Polícia Civil de Alagoas.

Quatro integrantes do grupo criminoso foram presos, sendo dois em Maceió, um na cidade alagoana de Penedo e outro em Santa Catarina.

Além da participação da DEIC de Alagoas, a operação teve o apoio do serviço de inteligência da Polícia Civil de Santa Catarina, da Delegacia de Polícia da comarca de Bombinhas (SC) e da 7ª Delegacia Regional de Penedo (AL).

De acordo com o delegado Gustavo Xavier, diretor da DEIC de Alagoas, o caso foi denunciado por um dos bancos lesados.

Segundo ele, havia uma falha no sistema do banco desconhecido de seus gestores, mas de conhecimento do grupo criminoso. Os investigados descobriram que o prazo de bloqueio de cheques depositados em contas da instituição bancária, caso haja feriado municipal na cidade do banco sacado, é menor um dia do que a resposta do banco. Com isso, eles sacavam todo o valor no mesmo dia.

As três contas, segundo técnicos do banco, estavam sendo monitoradas constantemente por equipamento de IP, localizado em Santa Catarina.


==


Uma pergunta simples: como que bandidos sabem mais de uma falha no sistema do banco do que os próprios técnicos do banco? Fiquei boiando...


LogomarcaMin2cm.jpg